Saúde

Regiões de Rio Preto e Araçatuba iniciam semana em fases diferentes de flexibilização da quarentena

Rio Preto está na fase 2 - laranja - e decidiu mudar horários e dias de funcionamento do comércio. Já Araçatuba foi para a fase vermelha e não pode abrir comércio.

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

A nova fase da flexibilização da quarentena no Estado de São Paulo começa a valer nesta segunda-feira (29) e as regiões de São José do Rio Preto e Araçatuba (SP) vivem situações diferentes pela primeira vez desde o início do Plano São Paulo.

A região de Rio Preto segue na fase 2 – laranja – de flexibilização e, apesar de continuar na mesma situação, as regras mudam por causa de uma proposta feita pelos prefeitos da região e que foi aceita pelo governo. É o minilockdown.

O comércio e outros serviços ficarão fechados de domingo, segunda e terça-feira. O comércio poderá abrir novamente a partir de quarta, quinta, sexta-feira e sábado, mas agora por seis horas, não quatro como antigamente. Os horários dos serviços essenciais continuam mantidos. Os horários ficam assim:

Se em Rio Preto apenas os horários mudaram e a flexibilização continua, em Araçatuba (SP) a situação é pior. A região voltou para a fase 1 – vermelha – e apenas os serviços essenciais podem funcionar.

O Prefeito de Araçatuba (SP), Dilador Borges (PSDB), publicou novo decreto suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais a partir de segunda-feira (29).

A cidade estava na fase laranja e atividades imobiliárias, concessionárias, escritórios, comércio e shoppings estavam funcionando com restrições. Com a mudança, os estabelecimentos citados não poderão mais abrir as portas até o dia 14 de julho, data em que ocorrerá uma nova avaliação.

A região de Araçatuba regrediu de fase porque, segundo o governo estadual, registrou na ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Além disso o número de novas internações, casos e mortes também aumentou.

Cinco cidades da região noroeste paulista fazem parte do DRS (Departamento Regional de Saúde) de Barretos (SP). Olímpia, Cajobi, Severínia, Altair e Guaraci saíram da fase 1 – vermelha – e agora estão na fase laranja.

Com isso, as cidades poderão abrir as atividades imobiliárias, concessionárias, escritórios, comércio e shoppings, com restrições de horário e capacidade.

Comentários