Jovem faz campanha para tratamento com células tronco

10/01/2020 06:27 Saúde

Buscando ajuda e uma nova vida. Esses são alguns dos objetivos da campanha iniciada por Vitório Dias Camargo, de 15 anos, acompanhada de sua mãe, Emília Dias, para realizar um tratamento com células tronco, no Paraguai, por conta das seqüelas de uma má formação da coluna.

A jovem, que mora atualmente em Votuporanga, nasceu com uma má formação da coluna. Na iniciativa divulgada nas redes sociais, ela conta que já realizou sete cirurgias desde então.

Por conta da má formação, Vitória desenvolveu diversas seqüelas, sendo necessário diariamente utilizar sonda de alívio a cada três horas para retirar a urina de sua bexiga neurogênica (disfunção da bexiga urinária devido à doença do sistema nervoso central ou nervos periféricos envolvidos no controle da micção). Além disso, deve fazer lavagem intestinal, usar órteses nos pés e muletas canadenses.

Vitória também utiliza uma válvula na cabeça para drenar o líquido cefálico, implantada para que ela não tivesse hidrocefalia. “Também não tenho sensibilidade e nem movimento em meus pés, em meus glúteos e dos joelhos pra baixo a sensibilidade é bem pouca, pois tenho ausência de vários músculos”, disse a jovem na campanha.

Apesar das dificuldades, a garota supera os obstáculos para executar atividades diárias, como os estudos e as tarefas do cotidiano. Recentemente, a mãe de Vitória recebeu uma informação sobre um tratamento com células tronco que poderá rever as seqüelas da jovem.

Para o caso de mielomeningocele da menina, este tratamento possui um valor elevado e ainda não é realizado no Brasil. O tratamento consiste, inicialmente, em três sessões onde é tomada a célula-tronco por inalação, soro e diretamente na coluna, tem um custo de aproximadamente R$ 100 mil e o local mais próximo para a execução é no hospital Panam Stencell, no Paraguai.

Por conta das condições financeiras, custear o tratamento fica inviável, motivo pela qual Vitória iniciou a campanha para arrecadar a quantia. Ela afirmou que a mãe irá acompanhar todo o processo do tratamento e as arrecadações da população de Votuporanga e região.

“Com qualquer quantia em dinheiro você pode fazer parte dessa grande mudança, creio que iremos conseguir e tudo se fará novo. Se você tem condições de doar qualquer quantia em dinheiro doe, se você não tem condições de doar nenhum valor me ajude compartilhando para podermos alcançar mais pessoas”, pediu Vitória.

As doações podem ser feitas pelas seguintes contas bancárias: Sicoob - Agência 3197 e Conta Corrente 3432-0/Bando do Brasil - Agência 5840-8 e Conta Corrente 4889-5/Bradesco - Agência 0157 e Conta Corrente 2237-3/CEF Agência 4891 Op 013 e Conta Corrente 10.901-9.

Fonte: regiaonoroeste.com

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do General Salgado News.