Rio Preto

Juiz autoriza internação de adolescentes suspeitos de matar jovem esfaqueado em Rio Preto

Richard Henrique de Maura, de 22 anos, foi morto a facadas, no bairro Jardim Maracanã. Suspeitos ficarão internados provisoriamente por 45 dias.

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

Os três adolescentes que foram apreendidos suspeitos de matar esfaqueado o jovem Richard Henrique de Maura, de 22 anos, em São José do Rio Preto (SP), serão internados provisoriamente na Fundação Casa.

O crime foi registrado no fim da noite de quarta-feira (13), no bairro Jardim Maracanã. Os adolescentes, um de 15 e dois de 17 anos, foram levados para a delegacia do município. O trio é composto por dois garotos e uma garota.

O pedido de internação foi feito pelo Ministério Público, que acusou os suspeitos de praticarem ato infracional equivalente a homicídio qualificado por motivo torpe.

A recomendação foi encaminhada para o juiz da Vara da Infância e Juventude de Rio Preto, Evandro Pelarin, que acatou o pedido e autorizou a internação provisória dos adolescentes.

Os três suspeitos prestaram depoimento e disseram que o crime foi cometido porque a vítima tinha furtado uma blusa de frio de um dos adolescentes.

Segundo o boletim de ocorrência, a adolescente esboçou diversos sorrisos e um dos suspeitos assinou o termo de declaração como “camaleão.”

A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de pessoa caída na Rua Paulo Menezelo. Ao chegarem no local, os policiais encontraram o jovem Richard Henrique de Maura sendo atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) com marcas de facadas pelo corpo.

A vítima não resistiu e morreu no local. Testemunhas disseram que o suspeito do crime morava próximo ao local e os policiais foram até a residência dele, onde foi encontrado marcas de sangue e roupas amontoadas, além de drogas.

A mãe do menor disse que o filho tinha saído para levar um amigo até um ponto de ônibus. A equipe policial foi até o ponto e encontrou o menor e uma outra adolescente, que seria namorada dele.

Eles confessaram o crime e contaram que a vítima foi atraída pela adolescente para um encontro amoroso. No local, o adolescente, e mais um amigo, também menor, agarraram a vítima e deram vários golpes de faca. O terceiro menor também foi detido e todos foram levados para o plantão policial.

Comentários